Replicante

Tenho ossos, e vísceras, e músculos,

e pele, e fios elétricos ligando

tudo isso.

Tenho sonhos, pesadelos, agonias,

brilhantes  fantasias, momentos

de grandeza e pequenez,

e fios elétricos ligando

tudo isso.

Movimento rápido dos olhos,

a pulsação compulsória do

músculo cardíaco, sangue,

tempo, tempo, sangue,

e fios elétricos ligando

tudo isso.

Anúncios

10 Comentários

Arquivado em Poesia

10 Respostas para “Replicante

  1. Edu

    e eu tenho um Carlos Eduardo ligando-me a tudo isso. rs

  2. I.Moniz Pacheco

    E eu tenho fios ligados ao seu blog para me alimentar com essa poesia forte, direta, bela.

  3. Grande poeta! Ma-ra-vi-lho-so!!!!

  4. Bernardo

    depois de ler sua poesia e os textos de Angela e Chorik, estou com o dia ganho!

  5. Gostaria de ousar (te) dizer que você é bem mais do que ossos, vísceras e fios elétricos (embora não pareça um “marionete eletrônico”). Mas, calo-me, porque é justamente tudo isso (ou tua sensação de que não passa disso) que te faz poeta: e eu seria a última pessoa a querer desligar esses fios. Suicídio contra mim(!) é uma coisa; contra você, seria…suicídio. Abraços.

  6. Nydia Bonetti

    talvez os versos sejam faíscas emitidas por estes fios talvez os versos talvez. 🙂 beijo, nilson.

  7. E a mensagem é poema de gente de verdade!

  8. Akira Yamasaki

    Quanto mais eu leio mais eu gosto.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s