O curioso caso de Susan Boyle

469px-susan_boyleTalvez um dia essa história de Susan Boyle seja lida como um marco, o ponto de virada em mais uma etapa da configuração da aldeia global. Etapa que passa pela web 2.0.

Tipo o 11 de setembro. Claro que você se lembra de onde estava quando soube da bagaceira, lá em NY. Eu liguei do trabalho pra Emília: “filha, começou a terceira guerra mundial!!!”.

Com o caso de Susan Boyle: eu tava no carro na quinta, 23, e ouvi o comentarista da Bandnews. Ele dizia que, se eu não tinha ouvido falar nela, devia ter passado as duas últimas semanas em Marte. Pois é. Pode ser. O tom era sentimental. Sentimental eu sou: vieram lágrimas, e eu sei lá de onde vieram. Efeito melodrama? Pode ser. Pois é.

O vídeo de Susan no programa, sua via crúcis de desdém por parte de público & jurados, sua ingenuidade, sua apoteose com uma voz de poder surpreendente: artes da produção? Pode ser, mas é fato consumado, estava criado um novo culto contemporâneo.

Diria talvez, à Jabor: quem sabe aquele vídeo não vire uma espécie de Evangelho, com as pessoas a passarem e repassarem a cena da crucificação e da ressurreição da moça desengonçada que se tornou um espírito de luz graças à voz abençoada? Mas em verdade vos digo: e se não tivesse a voz abençoada, o que seria de Susan? Meu deus, afinal pra que serve uma voz abençoada?

Mudando de registro: e afinal o Youtube cria o seu grande avatar. Ela vai gravar um CD e vender como água, até foi convidada pra estrelar um filme pornô. Sua voz passou pelo crivo da mídia especializada. Eis um bom tema para mesas de bar e afins: afinal tem muita gente boa dizendo que os blogs estão vulgarizando a produção intelectual e artística, etc, etc.

Meio apocalíptico, meio integrado, acho (achar, eis um verbo proibido na mídia oficial e liberado cá entre nós) o seguinte: tem muita baboseira na web, é verdade, mas esses que estão aí, dizendo que só tem baboseira, já perderam o bonde: eles passarão, nós passarinho.

Não, não estou me identificando com Susan Boyle. Só defendendo o fenômeno que fez explodir – e redimir – uma moça condenada à obscuridade, a ser olhada como se não tivesse aquela voz abençoada.

E eis a resposta: serve pros mesmos objetivos de um talento pra fazer grana, pra liderar, pra seduzir. Uma voz abençoada é como o rosto bonito que falta a Susan. Todos precisamos de um atributo desses, em menor ou maior escala, pra sobreviver nessa bendita civilização!!!

Achou piegas o que acabei de dizer? Que seja. Mas afinal em que planeta você passou as duas últimas semanas???

Anúncios

7 Comentários

Arquivado em Poesia

7 Respostas para “O curioso caso de Susan Boyle

  1. “Todos precisamos de um atributo desses, em menor ou maior escala, pra sobreviver nessa bendita civilização”. Desde criança me sinto Susan Boyle. E foi sempre o atributo (em menor escala, claro) que me salvou.

  2. Essa coisa de dizer que a web banalizou tudo é uma ” faca de dois legumes”. Também já ouví muita gente boa repetindo isso. Há muita bobagem por aí, é verdade. Mas também circula muita coisa interessante.No meu caso, como quase não tenho espaço para o meu trabalho,
    já que na Bahia quem tem espaços nas grandes galerias ou na mídia são os famosos, sirvo-me da internet como forma de mais pessoas terem acesso ao que faço. Gosto quando vêem o que faço. Gosto se gostam ou não. E ainda tenho a vantagem de não precisar botar minha imagem pessoal na “medina”.

  3. no ano passado a febre na oropa era o aparecimento de paul potts, a mesma via cruxis o mesmo perfil de susan boyle. ele estorou, ganhou o mesmo concurso de calouros do qual ela agora está participando, nada de novo, a história vai se repetir de novo porque muito dinheiro se fez com mr potts. acho um porre mexer com este lado maniqueísta e sentimental de compaixao. o outro lado da moeda, é poder ver que nossa maníaca barreira visual de pre-julgar as pessoas por sua aparência parece estar se deteriorando, o que é muito bom!
    no mais é apenas mais um concurso de calouros e muito comércio a base de nossos sentimentos.

  4. O texto que eu queria ter escrito. Chorei com Susan Boyle, vi e revi, senti necessidade de escrever algo e… não veio. Tudo me parecia piegas. Vc conseguiu e, seguramente, não foi piegas. Adorei, Nilson.

  5. Marcus

    Joguei “susan boyle” há pouco no google e veja o que encontrei: http://g1.globo.com/Noticias/Musica/0,,MUL1109252-7085,00-VIDEO+MOSTRA+SUSAN+BOYLE+CANTANDO+AOS+ANOS+DE+IDADE.html

  6. Renato

    SUSAN BOYLY
    “BASEADO EM FATOS REAIS,HÁ QUE RESURGE UMA GRANDE SURPRESA EM um SHOU DE CALOROS EM VOVA YORQUE”
    Enquanto nos bastidores de um famoso programa de tv,todos se preucupavam com a aparencia de uma senhora de quase ciquenta anos,mal vestida,cabelos assanhados vestidos longos,o pessoal não sabiam como deter aquela humilde senhora aparêntimente louco”
    Já na plateia ninquem imaginava o que estava por vir…
    Quando susan boyli entra no pauco,os jurados e plateia ficam boque-abertos com aquela figura que estavam vendo,aparentimente,para eles uma louca,logo os jurados começaram a questionar susan,se realmente ela iria cantar e ela respondeu que sim, eles ainda quizeram fazela dexistir,mas não consequiram,sendo motivo de risos de dois reporter de tv,por tráz do palco…para a supresa da plateia e principalmente do jurado,susan solta a sua vóz encantado todo o auditorio e os jurados,ao começar a cantar ela é aplaudita de pé pela plateia,e o jurado não consequia acreditar no que estavam ouvindo daquela senhora,todos ficaram facinados com aquela vóz,um dos jurados femininos não conteve a emoção do que estava presenciando,e logo comessou a chorar…
    “hoje quem não conhecia susan,agora conhece,foi noticia em todos canais de tv do mundo inteiro,virou febre na internete,é um dos videos bem mais assessando,e encantou o mundo,pela sua vóz maravilhosa e pela e de quem não qcreditou nelaque ela entrou,tem um velho ditado que diz
    (vou calar a boca daqueles que duvidam de mim)
    Más no caso de susan ela foi ao contrario,ela consequiu abrir os gritos e aplausos de todos que estavam ali naquele momento…
    É um defeito de quase todas as pessoas de julgar o nosso proximo pela aparencia,de primeiro olhar como ela esta vestida,como que tá o seu cabelo,se esta com um belo par de sapatos,enfim,esquecemos de realmente de olhar o interior,pois é la onde está o encanto,a beleza e a grandeza do ser humano,espero que a susan tenha servido de lição para todos nós…
    Chorei pois não nego sou um serumano,foi muito emocinante como todos quebraram a cara

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s