Bicho da vida (música ingênua)

Não sei quem ou como sou,

mas o que quer que seja,

vibra com teu quando, com teu

onde, vibra na vida,

que não nos revela

por que. Vibra contigo nos

desvãos onde os seres

são. Vibra como notas

claras de música ingênua,

música de gente, seja lá o que

gente for: bicho da vida,

seja lá o que a vida

for.

Anúncios

4 Comentários

Arquivado em Poesia

4 Respostas para “Bicho da vida (música ingênua)

  1. Criatura, você ESCREVE, viu? Ótimo poema!

  2. Concordo com o comentário acima.

  3. AC

    Não há o que comentar, NP. Saudade absurda de Marcinha. Isso basta. Vai ser difícil encarar esta falta, este vazio. A imagem de hoje e de ontem nada tinha a ver com aquela de poucos dias atrás. Inacreditável. Dormi e acordei torcendo pra que alguém me dissesse que não era verdade, que era apenas um pesadelo. Como eu queria…

  4. tistu

    você é FODA! desculpa mas, vc é. no bom sentido. rs

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s